07

MEDICINA TRADICIONAL CHINESA

Acupuntura

 

A Acupuntura é um ramo da Medicina Tradicional Chinesa. Este tratamento consiste num diagnóstico baseado nos ensinamentos da MTC e na aplicação de agulhas em pontos específicos do corpo, que se distribuem pelos meridianos chineses, com o objetivo de atingir determinados efeitos terapêuticos. Podem ser utilizadas outras técnicas complementares como a moxabustão (aplicação de calor sobre determinados pontos de acupuntura) e a auriculoterapia.

Atualmente é um facto que a Acupuntura exerce os seus efeitos através da estimulação de terminações nervosas nos tecidos punturados. Esta estimulação local provoca a libertação de uma série de substâncias que têm como efeito final o aumento da circulação local, com melhoria da oxigenação e do aporte de nutrientes aos tecidos.

A estimulação das terminações nervosas provocada pela manipulação das agulhas vai desencadear uma série de processos fisiológicos a nível da medula espinhal e do cérebro, que irão ser responsáveis pela ação terapêutica da Acupuntura.

Após uma análise profunda pela OMS, estão comprovados cientificamente os benefícios da Acupuntura nas seguintes situações:

- Problemas Musculares e Articulares

- Problemas de Pele

- Problemas Respiratórios e Cardíacos

- Problemas Hepáticos, Biliares, Estômago, Intestinos e Renais

- Problemas nos Sistemas Nervoso, Endócrino e Circulatório

- Doenças dos Orgãos dos Sentidos

- Dores de Cabeça e Problemas na ATM

- Problemas Psíquicos e Psicossomáticos

- Problemas na Próstata, Impotência e Ejaculação Precoce

- TPM, Menopausa e Problemas de Infertilidade

- Dependências Químicas

- Pós-Operatório e Tratamentos de Cancro

 

Massagens

 

Nas massagens existem duas linhas distintas, a linha ocidental e a linha oriental.

 

A ocidental segue mais ou menos as regras da medicina ou da ciência ocidental, isto é, tratamentos comprovados cientificamente, onde são testados e aprovados os resultados no aparelho locomotor, esquelético e muscular como é o caso da Quiromassagem.

 

A massagem oriental visa mais o equilíbrio energético, trabalhando sobre os meridianos do corpo humano. Este é o caso da Tui Na e das Ventosas.

Existem pontos em comum como o relaxamento do sistema nervoso, a libertação de hormonas como a ocitocina e a endorfina e a estimulação dos sistemas circulatório e linfático. Deste ponto de vista, o Ocidente e o Oriente, fazem em geral o mesmo trabalho, mas com ideias básicas diferentes - o Ocidente vendo a anatomia e o sistema esquelético-muscular como componente principal e o Oriente baseando-se nas energias vitais da vida.

 

Quiromassagem

A Quiromassagem é uma técnica de massagem específica, com fins terapêuticos, utilizada essencialmente para eliminar ou diminuir as dores musculares, sejam do tipo tensional, de bloqueio articular ou de falta de tonificação.

Esta massagem atua sobre o corpo e a mente, proporcionando uma melhoria do sistema circulatório, linfático, endócrino, digestivo e esquelético promovendo um aumento significativo ao nível da saúde e da qualidade de vida.

Para alcançar este objetivo, a Quiromassagem baseia-se na aplicação manual de um determinado tipo de manipulações, que podem passar por fricções, pressões, percussões e estiramentos, dependendo do efeito que se pretende atingir.

Tem ótimos resultados nas seguintes situações:

 

- Ativação do Metabolismo

- Tratamento das Artroses

- Tratamento das Contracturas Musculares e das Distensões Musculares

- Tratamento das Entorses

- Estimulação dos Sistemas Circulatório e Nervoso

- Tratamento das Lombalgias

- Tratamento de Problemas Articulares

- Tratamento de Problemas Posturais

- Relaxamento Corporal

 

Massagem Tui Na

A massagem Tui Na é uma das antigas artes de cura da Medicina Tradicional Chinesa. Embora a Tui Na tenha seja utilizada na China há mais de 4 mil anos, e ainda hoje seja utilizada em hospitais e clínicas de todo o país, só recentemente chegou ao conhecimento do Ocidente.

Com as diferentes partes das mãos e segundo a patologia do cliente, o terapeuta faz diretamente sobre os meridianos, pontos de acupuntura e outras partes do corpo, múltiplas técnicas de massagem. Este método terapêutico, que se pratica no exterior do corpo e produz efeito no interior do mesmo, contribui para a desobstrução dos meridianos, promove a circulação da energia e do sangue, regula as funções dos órgãos internos e lubrifica os tendões e ossos, pelo que permite prevenir e tratar algumas patologias e melhorar o bem-estar físico e psicológico.

Entre as diversas manifestações da Medicina Tradicional Chinesa, a Tui Na é aquela que melhor junta o útil ao agradável. Se entre os Ocidentais, o significado de massagem se restringe a uma prática de manipulação local, no Oriente é extensível à ação que desempenha nos sistemas nervoso, reprodutor, digestivo e circulatório e aos benefícios que traz aos tecidos cutâneos, à circulação sanguínea e também à estrutura óssea. Ou seja, benefícios para a saúde integral nas vertentes física, emocional e mental.

A Tui Na melhora a capacidade natural do corpo se curar a si próprio em todos os níveis do ser. Atua holisticamente no equilíbrio do fluxo de energia por todo o corpo, mente e espírito. As suas diferentes técnicas têm por objetivo regular a função dos meridianos, equilibrando o respetivo fluxo de energia: sedá-la se estiver em excesso e tonificá-la, caso esteja enfraquecida, regularizando a passagem do fluxo energético no corpo da pessoa.

Os benefícios da Tui Na são os seguintes:

- A Tui Na estimula e tonifica a pele, ativando a circulação sanguínea subcutânea, facilita a eliminação das toxinas, e dá mais brilho à pele.

- Os movimentos, as percussões, as fricções da Tui Na ativam a circulação dos fluidos orgânicos e em particular do sangue e da linfa permitindo uma melhor distribuição do oxigénio nos tecidos e uma melhor eliminação das toxinas.

- A massagem Tui Na é uma boa técnica para aliviar as dores musculares. Graças à sua ação estimulante sobre a circulação dos fluidos, as fibras musculares desembaraçam-se rapidamente das toxinas que geram fadiga, distensões e contrações.

- O sistema nervoso vegetativo engloba as vísceras e as glândulas endócrinas. É composto pelo sistema nervoso simpático e parassimpático, que tendem a equilibrar-se mutuamente. A Tui Na contribui assim, para manter este equilíbrio precioso e, se necessário, restabelecê-lo.

- O sistema nervoso cérebroespinal é composto pela espinal-medula e pelo encéfalo, que por sua vez compreende o bolbo raquidiano, o cerebelo e cérebro. Este sistema tem por função transmitir as ordens aos diferentes músculos, coordenar as funções vitais e gerir a informação sensorial. A Tui Na permite acalmar este sistema, muitas vezes sobrecarregado por demasiados estímulos sensoriais.

- As vísceras são órgãos contidos nas cavidades craniana, torácica e abdominal. Esses órgãos são estimulados pela Tui Na, favorecendo as suas funções ou proporcionando a sua descontração.

- Muitas das glândulas endócrinas estão relacionadas com pontos de acupuntura. Consoante a necessidade, estas glândulas podem ser ativadas ou acalmadas a fim de harmonizar o seu funcionamento com o resto do corpo. É por intermédio destas glândulas que o stress e as emoções agem sobre os órgãos, enfraquecendo-os ou esgotando-os.

Ventosaterapia

A Ventosaterapia ou simplesmente Ventosa é uma técnica usada na Medicina Tradicional Chinesa há milhares de anos. Este método terapêutico consiste na aplicação de ventosas numa determinada zona da pele com o intuito de tratar doenças. Apesar de existirem vários métodos e diferentes tipos de ventosas o objetivo é sempre o mesmo, provocar pressão negativa no local onde são aplicadas.

A utilização deste método pelo campeão olímpico Michael Phelps, nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro em 2016, mediatizou esta terapia no ocidente principalmente entre os atletas de alta competição.

Existem inúmeros benefícios na aplicação das ventosas, mas os seguintes são os mais importantes:

- Aumento da circulação sanguínea

- Estímulo do metabolismo cutâneo

- Aumento do poder renovador da pele e da sua resistência

- Melhoria no funcionamento dos órgãos internos

- Equilíbrio do Sistema Nervoso

Assim, para além de funcionar como método preventivo, ajuda a resolver problemas como transtornos gastrointestinais crónicos e obstipação, reumatismo articular crónico, dores de cabeça crónicas, vertigens, tensão muscular e hipertensão arterial.

Todas estas técnicas são um complemento ao treino de Neuroplasticidade

Follow us

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White LinkedIn Icon
  • White YouTube Icon

© 2019 

Created by HPB / HPS